A História da Calça Capri


Calças Capri são calças cujo comprimento termina acima do tornozelo. A calça Capri também é chamada, devido ao seu comprimento, de calça três quartos, pescador ou ainda cigarette (palavra francesa), por ser slim como um pequeno cigarro. Pode ser afunilada ou ter um corte reto. O estilo surgiu na Europa no final de 1940, sendo difundido no final dos anos 50 e toda a década de 60. Seu nome vem da ilha de Capri, um destino turístico popular na Itália.

Na década de 1940, Sonja de Lennart, uma designer de moda prussiana, projetou uma coleção de calça curtas e justas. Além das calças, a coleção também contou com uma saia, blusa, cinto e chapéu. Seus desenhos logo chamaram a atenção dos figurinistas de Hollywood que, em seguida, vestiram as suas atrizes com suas roupas ou versões delas. Filmes como “Férias Romanas” (1953) e” Sabrina” (1954), contou com a atriz Audrey Hepburn em calças capri justas.

As calças Capri também também são creditadas ao designer italiano Emilio Pucci, que em 1949, quando abriu sua boutique na ilha de Capri, iniciou uma linha de calças Capri, juntamente com uma série de peças de sua assinatura, que eram muito requisitadas pelos frequentadores ricos da ilha no verão. A ilha era um ponto popular de férias entre a classe privilegiada. Em consequência, os designs de Pucci passaram a ser conhecidos através das figuras sociais e estrelas de cinema que os usavam.

Até o começo dos anos 50 sua boutique na ilha de Capri foi referencia para os sofisticados ricos, herdeiras e estrelas de cinema que ali frequentavam para comprar calças “Capri”, lenços de seda e leves tunicas estampadas. Até o final da década, Jacqueline Kennedy e Marilyn Monroe, e muitos outros ícones da moda já usavam suas roupas.

As calças Capri atingiram sua popularidade nos Estados Unidos na década de 1960. Naquela época, comédias com personagens femininos eram limitadas a um guarda-roupa de saias e vestidos. “The Dick Van Dyke Show ” mudou o status quo. O autor Vince Waldron escreveu: “Mary Tyler Moore tinha a insistência em usar suas próprias calças de formas ajustadas na televisão, o que era quase que revolucionário em 1961.” O show não era altamente avaliado, mas as calças capri Mary Tyler Moore influenciou a direção da moda feminina na América.

Grace Kelly, a bela estrela de cinema, nos anos cinquenta, tinha como assinatura de seu estilo as calças Capri. Este tipo retro de vestuário ainda é muito popular e hoje em particular.

Após uma queda na popularidade durante a década de 1970 através da década de 1990 (embora Uma Thurman a usasse em Pulp Fiction), calças capri novamente se tornou uma tendência dominante durante os anos 2000. Não mais apenas como um look associada às viagens de lazer, a calça capri encontrou seu caminho no cotidiano modo de se vestir (casualwear), em algumas ocasiões, em locais de trabalho ou em eventos semi-formais.

Algumas mulheres devem evitar o uso de das calças Capri três quartos, porque ela dá a aparência de quebrar o comprimento da perna, em vez de alongar-la. Por outro lado, o comprimento que mostra os tornozelos, que são as mais magras parte da perna, combinado com um corte reto pode realmente fazer um look mais slim.

De forma justa ela pode se afunilar logo abaixo do joelho ou no meio da perna, pouco abaixo da panturrilha. Também existem versões de comprimento no joelho. Pode apresentar fendas na parte externa lateral inferior das pernas da calça . Embora a capri seja uma peça ideal para um tempo quente, elas são também usadas nos tempos mais frios, com meia-calça por baixo.

Embora as calças capri sejam mais populares com as meninas adolescentes e as mulheres, a calça capri também foi transferida para o guarda-roupa masculino com o que agora é chamado de ” manpri “.

O tenista espanhol Rafael Nadal usava calças Capri, na maioria de seus jogos antes de 2009.

Elas se tornaram populares entre os homens em muitos países, especialmente na Europa e América Latina. As calças Capri projetadas para os homens são informalmente denominadas manpri (Ou Man-pri) pants (também calças Guypri) na América do Norte. O nome Manpri deriva de uma contração gramatical das palavras Man (homem) e Capri. Elas começaram a ser recentemente usadas pelos homens na América do Norte.

Fonte: Wikipédia + eHow

Comments are closed.

Olá, visitante! Seja bem-vindo ao FASHION e-BOOK DIC & SEARCH, o seu Portal Vertical de Informação! Para ler os posts você deverá estar logado. Se você não tem um login poderá se registrar gratuitamente em nosso site CLICANDO AQUI. Muito obrigado! FASHION e-BOOK DIC & SEARCH VIP